Profissional do Geoprocessamento: como não se arrepender em 2030

Profissional do Geoprocessamento: como não se arrepender em 2030

Você sabe por qual razão, os motoristas de aplicativo e entregadores hoje ganham muito menos do que ganhavam há 5 ou 6 anos atrás?

Por uma regra bem famosa na economia, a lei da oferta e demanda.

Lá em 2015, 2016, havia pouca gente trabalhando com isso e muita procura por esse tipo de serviço, por isso os motoristas ganhavam muito bem. A média às vezes chegava a 8, 9 mil reais por mês. E a gasolina era bem mais barata!

Você talvez esteja pensando: “poxa, se eu voltasse no tempo poderia ter aproveitado melhor essa oportunidade”. Você não pode voltar no tempo, mas pode olhar para o mercado hoje e procurar trabalhar onde existe muita demanda e pouca oferta.

Em 2015 a oportunidade era dirigir por aplicativo, mas qual é a oportunidade de hoje?

Quer uma dica?

Vá ao Linkedin, procure pela palavra “Geoprocessamento” e veja a quantidade enorme de vagas que existem.

Você vai se surpreender! Depois, volte aqui e siga a Geo Sem Fronteiras para não perder essa oportunidade. Afinal, 2015 não volta mais, e quando estivermos em 2030 o ano de 2022 também não vai voltar, e você pode ter mais uma vez perdido uma chance incrível.

E essa nova chance tem uma super vantagem! O geoprocessamento não deve decair, mas crescer ainda mais nos próximos anos e, quem entrar agora, pode criar uma carreira brilhante ainda este ano.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Categoria

Tem uma pergunta?

Entre em contato com nosso suporte para qualquer dúvida.