8 passos para o sucesso do Geomarketing

8 passos para o sucesso do Geomarketing

8 passos para o sucesso do Geomarketing. Reprodução: canva

As coordenadas para o sucesso do seu negócio, podem estar no Geomarketing!

Conheça aqui, a estratégia das maiores marcas do mercado que segmentam o seu público conforme a sua localização. 

O Geomarketing está ligado a toda e qualquer estratégia de marketing que tenha o foco e abordagem direcionados para a localização dos clientes, buscando otimizar as campanhas e chegar até o seu público alvo no momento certo. 

Como isso acontece? Por exemplo, o Google Maps, presente na maioria dos telefones celulares, por meio da aplicação Local Guide, é possível receber notificações de empresas da sua preferência, bem como avaliar serviços e se orientar pela avaliação de outros usuários.  

Assim, tendo como base os lugares que você frequenta, as empresas usam esses dados para compreender e determinar o seu perfil como cliente. Dessa forma, fica mais fácil saber para quem e como devem ser feitas as campanhas de marketing. 

Ficou interessado? Então, continue a leitura e aprenda mais sobre o Geomarketing

Como fazer um Geomarketing?

O Geomarketing tem por objetivo compreender o público de uma determinada região ou lugar, podendo assim estabelecer aspectos importantes para a empresa. Como, por exemplo, “onde abrir uma nova loja de um produto ou serviço”?

Assim, para fazer Geomarketing com sucesso, é preciso saber manusear e aproveitar as informações disponíveis sobre as pessoas daquela área. Para isso, você pode recorrer a ferramentas como Google Adwords e Facebook Ads, que armazenam dados dos usuários a partir do endereço IP.

É possível obter informações sobre todos os locais, seja por país, região, estado ou cidade. Além disso, se desejar, essas plataformas também dispõem de opções para fazer uma segmentação usando informações de endereço mais específicas, como CEP, bairro e raio de distância, adicionando ainda uma estimativa de alcance por seleção.

Assim, ao fazer o Geomarketing corretamente, você conseguirá determinar os seguintes pontos:

  • Definir e otimizar o espaço geográfico para melhor mensurar a lucratividade;
  • Selecionar os melhores canais de distribuição para seus produtos;
  • Criar estratégias de precificação;
  • Retenção de clientes/consumidores e geração de novos leads;
  • Expandir a marca de maneira estratégica;
  • Definir os pontos comerciais;
  • Assertividade no manuseio das unidades (fechamento ou reposicionamento);
  • Desenvolver estratégias de venda mais assertivas;
  • Redução de custos.

Ou seja, o avanço da tecnologia abriu as portas para tornar o Geomarketing uma Inteligência Geográfica que utilizada Dados Georreferenciamentos e ferramenta SIG (Sistema de Informação Geográfica),  como estratégia eficaz e, simultaneamente, inovadora. 

No entanto, fazer Geomarketing não se limita apenas ao online, desde a década de 50, esta estratégia já está sendo aplicada para identificar regiões mais propicias para determinado negócio. 

Sendo assim, esta estratégia que tem como base o Levantamento de dados offline, visa identificar uma região com potencial para um determinado negócio ou atividade, esta prática chamamos de Geomarketing offline. 

No entanto, quando nos referimos ao Geomarketing atualmente, nos detemos apenas ao Geomarketing online, por ser mais comum em nosso dia a dia. 

Quando você navega nas redes sociais, os anúncios ou as buscas no explorar do Instagram revelam as estratégias de Geomarketing Online das empresas e da própria rede social.

Em um momento em que a segmentação é tão importante, a localização torna-se uma aliada das marcas para criar estratégias bem mais específicas para segurar o cliente.

E já que falamos de segmentação, dentro do Geomarketing existe uma designação própria para esta atividade, é o Geotargeting que segmenta o público por localização.

Mas não é só isso, ainda existe outro segmento que é o Geofecing que consiste em fornecer conteúdos em tempo real para os usuários, seguindo a localização deste.  

O que é estudo de Geomarketing?

Esse tipo de estudo consiste em mapear o público de uma região onde uma organização está ou pretende se inserir. Para assim, conseguir encontrar as melhores soluções, de tal forma que ela consiga trazer o melhor custo-benefício para os clientes e para a empresa.

Atualmente, este estudo tem sido realizado não apenas para implantação de negócios, mas também para áreas de implantação de cultura e empresas de prestação de serviço.

O objetivo principal deste estudo é encontrar soluções mais inteligentes para ter acesso às informações de comportamento dos clientes e clientes em potencial, como destaca o portal da Hotmart

8 passos para o sucesso do Geomarketing. Reprodução: canva
8 passos para o sucesso do Geomarketing. Reprodução: canva

Isso tudo fica mais fácil, pois, por meio do estudo de Geomarketing é possível segmentar qual é o seu público-alvo, onde ele está presente com maior força, a renda média dele e também a faixa etária naquela região, sendo possível até mesmo identificar a aceitação de um determinado produto em um bairro ou localidade. Além disso, é possível monitorar como os concorrentes atuam no mesmo lugar.

Se tomarmos como exemplo a implantação de franquias, este é o segmento que mais realiza Geomarketing na atualidade. Antes de abrir uma nova unidade, as franqueadoras realizam um vasto estudo de viabilidade na região de interesse, podendo aprovar ou não a implantação de novas unidades. 

Cada unidade de uma franquia só deve ser instalada em uma região onde existam condições mínimas de lucratividade, e isto pode ser medido com as ferramentas do Geomarketing.

No caso das franquias, concorrentes são monitorados e os dados econômicos da população são avaliados, para que a tomada de decisão possa ser a mais assertiva possível, garantindo a lucratividade necessária. 

As empresas que usam Geomarketing

Diversas empresas mundo afora já recorrem ao Geomarketing como parte integrante das estratégias de negócio. Afinal, por meio dele é possível identificar onde é preciso cortar gastos e onde investir mais. Empresas como a Heineken, McDonald’s, e Magazine Luiza, por exemplo, já fazem uso desse tipo de estudo.

Assim, essas empresas conseguem desenvolver um melhor planejamento estratégico e direcionar as estratégias de marketing, bem como as abordagens de vendas com maior segurança. Dessa forma, os riscos na abertura de novas lojas, franquias ou mesmo de novos negócios são bastante reduzidos.

Se você já visitou ou comprou em determinada loja de grandes redes como Americanas e Magazine Luiza, deve ter notado que ao chegar em outro local, onde existem lojas destas redes, você recebe uma notificação do Google Mapas, avisando que você da proximidade.

Mas não é apenas uma notificação de existência daquela loja, mas um aviso de que você é um cliente vip, especial e que ali você encontrará promoções e descontos, isto é, um convite as compras. 

Vejamos um exemplo bem específico, citado pelo portal Mundo do Marketing: a Riachuelo dobrou o número de pontos de vendas nos últimos anos, graças ao uso do Geomarketing, mapeando todas as regiões do Brasil e identificando seus potenciais clientes. Desta forma, a empresa aumentou os lucros e diminuiu os custos, indo ao encontro do cliente. 

Por que o Geomarketing é tão importante?

O mundo está cada vez mais conectado, a tecnologia chegou e mudou totalmente a vida das pessoas, e o Geomarketing tira o melhor proveito possível disso. Afinal, hoje em dia, praticamente todas as pessoas em todos os lugares estão usando um aparelho celular!

Com um telefone celular nas mãos e o GPS ativado, tudo é possível! 

Então, o Geomarketing utiliza essa fonte preciosa de informações para as empresas, deixando muito mais fácil compreender o público em determinada região e se/como ela deve chegar até eles.

Com o Geomarketing é possível identificar o comportamento do consumidor e assim criar campanhas de marketing e capitação de clientes de acordo com determinado perfil. 

Através destas ferramentas é possível saber onde o cliente mora, qual carro ele dirige, se ele se preocupa com o meio ambiente, suas preferências políticas e uma série de informações que ajudam as empresas a faturarem.

Como citado anteriormente, através do aplicativo Google Maps e sua aplicação Local Guide ou Guia Local, qualquer pessoa com telefone celular poderá receber uma notificação quando visita determinada empresa. 

Por exemplo, se você anda a pé pelas ruas da sua cidade, ao passar por uma loja, mesmo que não entre, logo em seguida você recebera uma notificação de que visitou aquela loja e você poderá avaliar a mesma. 

De posse dos dados da sua avaliação e resposta das perguntas, o Google passa a sugerir para você as empresas que são do seu perfil. Se você toma café com frequência, o Google irá te lembrar que em determinada rua tem uma cafeteria, por exemplo.

Além disso, a sua avaliação irá ajudar na escolha de outros consumidores. Como a maioria dos negócios está online, a preocupação com a reputação deve ser um investimento para a empresa, com atendimento padronizado e produtos de qualidade. 

Sendo assim, o Geomarketing além de ajudar uma empresa a encontrar o melhor lugar para se instalar, também oferece as ferramentas necessárias para que os negócios tenham sucesso. 

Geomarketing em 8 passos 

Você já deve ter entendido que o Geomarketing usa de ferramentas para estabelecer relações diretas entre as estratégias de negócios e o espaço físico onde o negócio se encontra e a interação com seus clientes, consumidores, fornecedores e todos os que fazem parte do processo.

Gostou de saber mais sobre este assunto? Então, agora que você já entendeu como funciona e a importância, confira os 8 passos que fazem essa estratégia ser um sucesso nas empresas:

1. Planejamento

O Geomarketing ajuda a estruturar os objetivos, orçamento, equipes e quais ferramentas as organizações vão precisar. As estratégias escolhidas devem conseguir segmentar o público-alvo, clareza sobre demanda, preços e ofertas. E, por fim, melhorar a taxa de conversão das suas campanhas.

2. Ferramentas

Nesse ponto, é preciso decretar quais ferramentas específicas a sua organização precisará para conseguir fazer sua estratégia funcionar. As ferramentas escolhidas são fundamentais para o Geomarketing ter sucesso, criando estratégias mais profissionais e estabelecendo um relacionamento mais próximo com os seus clientes.

3. Segmentar novos leads

Depois de escolher as ferramentas, você precisa atrair novos clientes (leads) para o seu negócio. Com o Geomarketing bem feito, é possível criar campanhas para levá-los para a sua loja (física ou online), tentando inclusive conquistar o público da sua concorrência.

4. Gestão comercial

O Geomarketing consegue ajudar as empresas a economizarem recursos, definir objetivos e identificar oportunidades. Toda essa inteligência comercial vem dos dados adquiridos nos estudos, que permitem conhecer a relação dos produtos, quais vender e como vender.

8 passos para o sucesso do Geomarketing. Reprodução: canva
8 passos para o sucesso do Geomarketing. Reprodução: canva

5. Conversão

Todas as estratégias escolhidas têm um objetivo em comum: realizar vendas. O Geomarketing permite criar uma comunicação direcionada, chegando até os consumidores no lugar e na hora certa. O que com toda certeza, vai aumentar a sua taxa de conversão de interessados em vendas.

6. Logística

O conhecimento sobre os clientes de determinada região abre as portas para que a empresa possa desenvolver as melhores ofertas. Focando nos produtos mais buscados e que tenham a melhor logística de compra e venda. Assim, o número das vendas segue crescendo e os custos operacionais vão diminuindo, ou seja, mais lucro para as empresas.

7. Integração omnichannel

O Geomarketing permite que todos os pontos de contato e distribuição (online ou presenciais) sejam convertidos. Dessa forma, a empresa consegue fornecer ao público a mesma qualidade de atendimento em todos os canais de venda.

8. Acompanhar os resultados

Lembre-se de sempre analisar os seus resultados. Observando como o seu público tem reagido às suas campanhas, o que foi bem sucedido e o que precisa ser melhorado. Pesquisas e canais de comunicação com o público podem ajudar nessa parte.

H2 – Aprenda Geomarketing: saiba como

Se você gostou de saber sobre o Geomarketing, você também gostara de saber que esta é uma área de grande demanda no mercado e com poucos profissionais qualificados. 

Trabalhar com Geomarketing poderá se tornar uma atividade rentável para os próximos anos. Com o crescimento das redes sociais e uso cada vez mais comum dos aparelhos celulares, as empresas estão eufóricas por profissionais que garantam sua visibilidade na internet.

Não, é qualquer pessoa que realiza o Geomarketing de uma Empresa, é necessário ser um profissional qualificado. 

Para garantir sua qualificação nesta área e ter acesso a rendimentos elevados, você poderá contar com o auxílio dos nossos profissionais, consulte condições aqui

Leia mais: 

Salário de Analista em Geoprocessamento, nas diferentes regiões do Brasil.

Vagas de Emprego para Geoprocessamento tem salários de até R$ 20 mil. Confira aqui.

Geoprocessamento como ferramenta para planejamento e Gestão Ambiental.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Categoria

Tem uma pergunta?

Entre em contato com nosso suporte para qualquer dúvida.

Leia também

Conheça nossos Cursos